Tudo é nada

27/05/2023

Tudo é nada sem outras coisas ao redor. Pois sim 2ooe0nze, coexistir são necessidades que Claudio Amaro expõem aqui neste conteúdo imagens à semelhanças de outdoors. Pois caminhando pelas ruas virtuais, Hélade Renzo potencializa em Claudio Amaro sempre mais. Já Jaqueline... Ainda não consegue exercitar perspectivas de paz. Mas tanto faz. Atividades, em suma geneticamente predestinadas à ela, apenas apresentam, outras modalidades de práxis super estimulantes à mais de-eus mesmos.

E mesmos meus desejos sendo esperanças de tranquilidade. Devires cada vez mais através dela, me apontam que quem sabe com mais maturidade... Se é que virá com passar das idades. Mas amar é assim. Dizer sim à viveres. Mesmo quando aparentemente faltam deveres. O que nos mantém em pés? É creres. Creres que aprenderei ser mais além. Ou seja...

Conseguir assimilar outras perspectivas para além dos desdens. Pois se afastar não é mais válido. Práxis já não mais necessárias. Por outros lados diversos, desiguais e discrepantes dos dela. Prefiro me tranquilizar enquanto vejo Hélade Renzo brincando com vão da janela. E acreditar que logo logo isso será mais agradável à mãe dela. Anseio mãe dela perceber que: Tudo é nada sem outras coisas ao redor.