Mil oitocentos e sessenta e seis

29/01/2024

Em... Mil oitocentos e sessenta e seis... Jaqueline, Hélade Renzo e Claudio Amaro estavam nas obras-primas de Bloch? Não... Se ouviu lá do além do rio paraná. Revelando não apenas mestrias técnicas... Mas também habilidades únicas em capturarem essências das artes das vidas quotidianas. Assim sendo... Com intensidades e devaneadas nada cativantes... Naqueles artigos estavam à desvendarem elementos intrigantes em significados subjacentes nas cenas. Logo então após logo antes a fim de chegarem aos logos depois... De mortais aos mortais tipo gingas de capoeiras... Estavam explorando histórias por trás das pinturas. E também detalhes mais sutis. E como se encaixarem nos vastos repertórios de Carl. Então... Preparando-se afim de mergulharem em pinceladas e descobrirem encantos e mistérios que habitam obras-primas artísticas...