Aos inassustáveis

19/10/2023

Eita experiências das quais sobrevivemos. Enfim... Nelas... Se tantos ainda enquanto fantasmas desossados. Enfim... Deixemos pros passados descarnados, desfigurados; devaneados. Que berram nas tentativas de evitarem pensamentos que berram em vãos. E não assustam mais ninguém em antemãos. Já inassustáveis... Esses sim que nos assustam mais e mais instáveis.